GeralNoticias

Vereadora pede desativação de posto do HUT onde 193 morreram

A vereadora Teresa Britto (PV) subiu à tribuna da Câmara Municipal de Teresina, nesta terça-feira (19/05), para pedir a desativação do posto 1 do Hospital de Urgência de Teresina, onde foram registradas, em apenas um mês, 193 mortes de pacientes, segundo dados  da Sociedade de Terapia Intensiva do Piauí (Sotapi).

“Já fizemos várias denúncias da situação do HUT e a entrevista divulgada ontem em rede nacional mostra que a situação de nosso principal centro de urgência está insustentável. Vamos pedir à Fundação Hospitalar de Teresina que desative o Posto 1, pois a população não aguenta mais tanto descaso”, frisa.

A vereadora enfatiza, ainda, que a reforma do HUT, que reduziu em 30% a capacidade de atendimento do centro de saúde, foi realizada de forma inadequada.

“A reforma foi mal planejada e prejudicou bastante o atendimento aos pacientes. Vamos acionar o Ministério Público do Piauí, por meio do promotor Eny Marcos Vieira Pontes, com o objetivo de, pelo menos, amenizar essa situação caótica”, finaliza.

ASCOM

Comentários

Artigos relacionados

Fechar