DestaqueNoticiasRegião

Picos: movimentos sociais fixam cruzes em canteiro simbolizando as mortes pela Covid-19 no Brasil

Atos semelhantes têm acontecido em várias cidades e estados ao longo dos meses, à medida que as mortes aumentam.

O Movimento dos Pequenos Agricultores do Piauí (MPA-PI) e o Levante Popular da Juventude realizaram na manhã desta sexta-feira (07) um ato de protesto contra o governo Bolsonaro e uma homem às vítimas do coronavírus no Brasil. Foram afixadas 10 pequenas cruzes brancas no canteiro da Av. Deputado Sá Urtiga, nas proximidades da passarela, em Picos. Elas representam as quase 100 mil mortes provocadas pela Covid-19 no país. Atos semelhantes têm acontecido em várias cidades e estados ao longo dos meses, à medida que as mortes aumentam.

De acordo com uma das participantes do ato, Isabel Silva, este dia foi escolhido pelas várias entidades sindicais e sociais para protestar contra o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), por entender que ele não tem agido da forma correta no combate ao coronavírus.

“Hoje é um dia nacional do Fora Bolsonaro, que várias entidades construíram esse dia de luta contra os retrocessos desse governo, que nós entendemos que é genocida e não está preocupado com o povo brasileiro”, frisou Isabel.

Além das cruzes no canteiro, também foi fixada uma faixa na passarela, com a frase “Fora Bolsonaro: do luto à luta em defesa da vida”.

FONTE: Boletim do Sertão

Comentários

Artigos relacionados

Fechar