Supostos casos de aborto e contaminação por Glifosato no Piauí viram destaque nacional

0
36

Casos de aborto supostamente causados por um agrotóxico no Sul do Piauí viraram destaque em publicação da The Intercept Brasil, site de notícias fundado pelo americano Glenn Greenwald. O jornalista é o mesmo que levou à público o escândalo dos programas de vigilância secreta dos EUA, o “Wikileaks”.

A reportagem especial foi escrita por Nayara Felizardo e revela os efeitos do Glifosato no organismo humano. O produto é amplamente utilizado em plantações de soja, cenário típico do Sul do Estado. A investigação aconteceu em agosto na cidade de Uruçuí, distante 460 km de Teresina.

A publicação desta quarta-feira (19/09) conta a história de moradores como Maria Félix, que perdeu o bebê após sofrer um aborto espontâneo com 25 semanas de gravidez. A jovem vivia próximo de uma plantação de soja e não tinha conhecimento sobre a questão.

De acordo com um levantamento do sanitarista Inácio Pereira Lima, mestrando da Universidade Federal do Piauí (Ufpi), uma em cada quatro grávidas sofreram aborto no município. Segundo registros do Hospital Regional, a maioria ocorre na faixa etária de 20 a 30 anos.

Aqueles que nascem, pelo menos 14% estão abaixo do peso. E ainda segundo a pesquisa explanada pela reportagem, 83% das mães tem o leite materno contaminado. O coordenador de obstetrícia em Floriano confirmou que já viu muitos casos de aborto e má-formação.

A reportagem ainda tentou falar com empresários, mas não conseguiu. Citou ainda que poucos moradores falam sobre qualquer efeito do agrotóxico por medo de demissão. Eles também atribuem os sintomas de possível intoxicação a outras causas e funcionários da saúde na região tentam notificar e observar se há casos, mas com dificuldade.

O AGROTÓXICO

O Ministério Público recomendou que a comercialização do Glifosato fosse interrompida, enquanto a Anvisa reavaliasse os efeitos que ele pode trazer à saúde humana. O uso chegou a ser proibida por liminar, mas ela foi derrubada semanas depois.

 

Fonte: The Intercept Brasil/Por Nayara Felizardo – https://theintercept.com/2018/09/17/agrotoxico-aborto-leite/

SEM COMENTÁRIO