DestaqueNoticiasPolicia

Suspeito de homicídio brutal em Dom Expedito Lopes é preso

Durante a prisão de Cristiano Sousa, a guarnição verificou que ele já possuía um mandado de prisão em aberto no Estado do Tocantins por crimes sexuais. 

Foto: Reprodução

Um homem identificado por Cristiano Gonçalves de Sousa foi preso suspeito de ser o autor do homicídio brutal ocorrido no município de Dom Expedito Lopes. O crime ocorreu no dia 03 de outubro deste ano e teve como vítima Wabyner Alves de Araújo, que apresentava sinais graves de espancamento, perfurações e foi alvejado com um disparo de arma de fogo.

Durante a prisão de Cristiano Sousa, a guarnição verificou que ele já possuía um mandado de prisão em aberto no Estado do Tocantins por crimes sexuais.

Diante dos fatos, as investigações continuam para descobrir a motivação do crime. O inquérito após concluído será encaminhado à Justiça para adoção de procedimentos que o caso requer.

O crime

Na tarde desta terça-feira (03) o jovem Wabyner Alves de Araújo, de 22 anos, foi encontrado às margens da BR-316 com graves sinais de espancamento, perfurações e alvejado com um disparo de arma de fogo. O fato foi registrado no KM 80, na altura do município de Dom Expedito Lopes, distante 29 km de Picos.

Wabyner Alves de Araújo deu entrada no Hospital Regional de Picos e foi encaminhado para a Unidade de Terapia Intensiva. O mesmo passou por procedimento cirúrgico para retirada de um projétil alojado no cerébro, mas sem sucesso. Após 17 dias internados teve o óbito confirmado.

Cidade Verde

Comentários

Artigos relacionados

Fechar